Misericórdia

Misericórdia

“Certamente que a bondade e a misericórdia me seguirão todos os dias da minha vida; e habitarei na casa do Senhor por longos dias.” Salmos 23:6

Conceito de misericórdia – É um termo amplo que se refere a benevolência, perdão e bondade em uma variedade de contextos éticos, religiosos, sociais e legais.

No Antigo Testamento, Deus é considerado “misericordioso e compassivo” como no Salmos 103:8 “Misericordioso e piedoso é o Senhor; longânimo e grande em benignidade”. A ênfase na misericórdia aparece em numerosas partes do Novo Testamento, por exemplo, como nas Bem-aventuranças em Mateus 5:7 “Bem-aventurados os misericordiosos, porque eles alcançarão misericórdia”, a Parábola do Filho Pródigo (Lucas 15:11-32), tornou-se um tema importante sobre a extensão da misericórdia divina para os outros. Em Efésios 2:4-5, o apóstolo Paulo refere-se à misericórdia de Deus em termos de salvação: “Mas Deus, sendo rico em misericórdia pela sua grande caridade com que nos amou, mesmo quando estávamos mortos pelos nossos delitos, nos deu vida juntamente com Cristo (pela graça sois salvos)”.

Temos que exercitar esta misericórdia.

Uma das maiores provas que não temos misericórdia é quando vemos uma situação de injustiça e o nosso sentimento primário é de julgamento e punição para aquele que cometeu o erro.

A Biblia nos adverte a nao julgarmos pra nao sermos julgados (Mateus 7:1); nos adverte que com a mesma medida que medimos seremos medidos por Deus tambem (Mateus 7:2); nos adverter que não reparemos na trave (palha) dos olhos de nosso irmao tendo um argueiro (viga de madeira) em nossos próprios olhos (Mateus 7:5) e que não sejamos como os fariseus que coam uma mosca e engolem um camelo (Mateus 23:24)! E o exemplo maior de misericordia fica na “oração do Pai nosso” em que todos pedimos que sejamos perdoados da mesma forma que perdoamos… E se não pedoamos, não seremos perdoados! (Lucas 11:4)

Amados, que O Eterno tenha misericórdia de nós, e que o Espírito Santo nos ajude a sermos misericordiosos.

Oremos – Pai, obrigado pela sua misericórdia que é a causa de não sermos consumidos, sabemos que ela se renova a cada manhã, como lemos em Lamentações 3: 22 e 23. Muito obrigado Eterno Deus. Eu oro em nome de Jesus. Amém.

Pr. Ranieri Farias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s